Forums

Post has published by Bosst
Viewing 1 post (of 1 total)
  • Keymaster
    Member since: August 13, 2020

    Pai dos Klabautermen

    Localizada em Vandura, a maior das Shattered Isles, Liberty Bay é a joia dos mares do sul. Não muito tempo atrás, as pessoas no belo porto viviam juntas em harmonia, vivendo dos ricos recursos que a terra fornecia. Infelizmente,alguns thaianos descobriram os tesouros naturais das Shattered Isles. Logo, o pequeno assentamento anteriormente pacífico se transformou em uma cidade real. Oprimidos pelos thaianos que tomaram conta do pequeno povoado pacífico como um enorme enxame de gafanhotos em um campo de batata, muitos dos nativos são pobres hoje. Eles vivem em cabanas em ruínas no Sul e descansam suas cabeças cansadas em esteiras de palha depois de um dia duro de trabalho nas plantações. Em contraste, os thaianos, sob a liderança do governador Percy Silverhand, residem em esplêndidas e luxuosas mansões na parte norte da cidade.[1]

    Cada cidade esconde um segredo, e uma cidade onde se bebe rum como chá deve ter muitos deles.

    NPC Marcus nos dá algumas informações sobre Ferumbras

    Jogador: Ferumbras

    Marcus: Embora ele esteja morto, dizem que ele é o pai de todos os klabautermen.

    Jogador: klabautermen

    Marcus: Um klabauterman é algum tipo de diabinho que vive em navios e prega peças bem malvadas e às vezes letais com aqueles que o incomodam ou não compram sua simpatia com pequenos presentes.

    Marcus diz que o klabauterman está satisfeito com alguns presentes, mas não dá informações sobre o que devemos dar a eles.

    Mas acontece que há um livro sobre isso e, a propósito, o nome klabauterman é uma coisa da vida real.

    A seguinte citação pode ser encontrada em um dos livros localizados em Liberty Bay (também pode ser encontrada na Cidadela de Ferumbras):

    Os klabautermen são uma raça de seres travessos e maliciosos que vivem em navios. Usando invisibilidade e outras magias, eles permanecem invisíveis na maior parte do tempo. Mas esteja avisado, se você antagonizar o klabauterman de um navio, suas brincadeiras inofensivas se tornarão perigosas. Em geral, é uma jogada inteligente manter seu klabauterman feliz com pequenos presentes e muito rum.[2]

    Mas voltando aos mitos klabauterman da vida real, esses são uma variante dos kobolds do mar na realidade. Mais informações aqui.

    Como afirma a Wikia, pode haver espíritos da casa, espíritos das minas, espíritos do mar e assim por diante. Os que Marcus conta são os do mar, mas dentro da caverna. Eu acho que é bem simples que esses são os espíritos das minas.

    O baú é o mesmo que encontramos na adega demoníaca em Liberty Bay:

    Acima do porão, encontramos o NPC Chantalle:

    A adega está localizada abaixo da joalheria, onde o NPC Chantalle está localizado. Além disso, o nome Chantal significa “pedra”.[3]

    Então Chantalle menciona Mr.Loveless que é o embaixador de Venore, e você pode ver onde a história vai continuar aqui.

    Theodore Loveless menciona que:

    Venore tornou-se um pequeno e impressionante ponto de comércio de mercadorias de todo o mundo. O trabalho constante compensa e nos traz um estado modesto de luxo..

    Jogador: Ferumbras

    Ouvi dizer que ele tem alguma relação com essas ilhas. Para saber mais sobre isso, você provavelmente deveria falar com o mago de Edron que mora em uma torre aqui na cidade.

    Se falarmos com Malunga (o mago) ela irá mencionar muitos detalhes sobre a ilha, mas sobre Ferumbras ela nos guiará para irmos às torres de Edron, a qual começa a sua história da Cidadela de Ferumbras a partir daí.

    Jogador: Ferumbras

    Malunga: Não vou discutir este assunto agora e aqui. Se você tiver alguma dúvida sobre ele, a academia em Edron é o lugar para perguntar… Malunga: Considerando que este é um assunto bastante delicado, você deve ter um bom motivo para perguntar.

    Se voltarmos à ideia de Chantal, pode ser apenas sobre a pedra – cobalto, que ainda não foi vista no jogo, ou talvez os novos telhados renovados de Venore sejam feitos dela, a pedra pode estar trancada dentro do baú lá , para ser importado para algum lugar…

    Além disso, o nome da conquista depois de navegar 1250 vezes é “Ship’s Kobold”.

    Ainda, existe uma rua em Liberty Bay chamada Klabautermen Street.

    Indo com as transcrições de Malunga, ela conta sobre o desastre que aconteceu nas Shattered Isles séculos atrás – daí o nome…

    Ademais, você pode iniciar as missões Shattered Isles dentro de Liberty Bay quando se ater a qualquer uma das transcrições do NPC, que mais tarde se conectam ao enredo da Cidadela de Ferumbras.

    Além de tudo, o próprio Ferumbras ainda precisava construir a torre lá, então ele possivelmente contratou pessoas de Liberty Bay para ajudá-lo (ou os convenceu/enganou a fazê-lo).

    Você acaba em Goroma por um erro enquanto viaja em um navio, mas pode ser que os klabautermen tenham enganado o capitão para acabar lá, para que os pacotes pudessem ser transportados – então Ferumbras é o pai de todos os klabautermen e então temos uma adega que é guardado por um demônio (e Ferumbras é um dos poucos capazes de invocar demônios), e temos um baú misterioso no estaleiro, então para mim é óbvio que é o porão de Ferumbras, e também que ele de alguma forma ainda precisava transportar alguns bens para sua cidadela, que são exibidos em sua sala do tesouro.

    Cada navio tem seus próprios klabautermen, podemos então supor que Ferumbras pode controlar os navios quando quiser.

    Mas se você conectar Chantelle e Mr.Loveless (que é de Venore) a isso, então é rápido perceber que o baú está sendo transportado para Venore ao invés de Ferumbras Citadel.

    E Venore tem transcrições falando sobre negócios obscuros.

    NPC Xed:

    Player: honest

    Xed: Well, I overheard the boss discussing some shady deals with a man in a black cloak.

    Player: shady deals

    Xed: Something about a sword only great warlords can use and a rare distance fighting item.

    Player: rare distance fighting item

    Xed: Yes, but I believe this is nothing but lies seeing that there are only a few distance fighting weapons.

     

    Se você olhar agora para a aparência do Sr. Loveless – ele é de fato um homem com uma capa preta:

    Xed trabalha na Ironhouse em Venore, seu chefe é Abran Ironeye.

    Então podemos ver que a atualização de Ferumbras continuou uma pequena história aqui em Venore, pois agora sabemos com quem Abran Ironeye faz negócios obscuros – ele os faz com Theodore Loveless de Venore.

    Para conectar Venore a Liberty e vice-versa, precisamos ir ao estaleiro independentemente, e a atualização de Venore fez uma reformulação também nas docas, onde encontramos as misteriosas escadas, como falamos em nosso artigo anterior (Ferumbras’ Ascendant Quest) .

    Isso leva ao telhado, onde podemos ver que alguém esteve claramente lá (bebendo, talvez rum?)

    Continuando com as mudanças em Venore, algumas transcrições foram adicionadas em algum momento a Ashtamor. E Ashtamor está altamente ligado à vida após a morte e à ascensão, e esse tópico é o que mais interessa a Ferumbras.

    Player: Slim

    Ashtamor: Este homem é tão velho e parece tão doente que espero que ele se torne meu cliente todos os dias.

    Ele fala sobre Leeland Slim. A maneira como está escrito é semelhante às transcrições do Sr. Loveless sobre as pessoas em Liberty Bay. Isso pode significar que a mesma pessoa escreveu isso, e o mistério aqui é entender o que os NPCs falam uns dos outros.

    Eu trago isso para mostrar que houve algumas mudanças ocultas acontecendo nas atualizações dos NPCs, o que pode significar que as histórias inacabadas no passado podem agora estar concluídas e esperando para serem resolvidas.

    Leeland Slim É uma alusão a Leeland Gaunt Do livro “Trocas Macabras” de Stephen King:

    “Basicamente, um demônio administra esta loja e atrai as pessoas com coisas dentro de sua loja. Tudo o que você pedir pode ser encontrado lá na loja, então o demônio Leeland Gaunt faz alguma merda com eles”

    Dentro da loja de Leeland no Tibia, na gaveta, encontramos o papel:

    “Como mostrado, em teoria, há muitas maneiras de imbuir uma criatura morta com imenso poder (veja os capítulos 22 a 24). Quando se combina feitiçaria e meios espirituais, o resultado deve ser extraordinário. A idéia aqui é que você pode usar feitiçaria para transformar um ser adequado em um ser semelhante a um lich sob seu controle (veja Lich-thralls, capítulo 15). Se tal criatura já está imbuída de algum tipo de espiritualidade (ou seja: em processo de ascensão, como mostrado no capítulo 7 ) ambos os poderes se somariam. Embora este seja um pequeno truque de salão, é mais por prestígio do que por poder, já que o sujeito, embora formidável, não será capaz de acessar seu potencial espiritual. Aqui está o problema, no entanto. Devido à lei da identidade transcendida, várias dessas criaturas podem ser usadas para concentrar seus poderes em um ser mais alto, um pouco mais potente espiritualmente do mesmo tipo. Em termos leigos, você poderia dizer, você agrupa seu poder em um recipiente. Se esso poder agrupado atinge um certo limite, a adaptação metafísica realmente queima um novo nível de poder espiritual no receptor. Vimos tais atos em que sacrifícios em massa de seguidores de cultos fanáticos ajudaram certos líderes a ascender até certo ponto. Para fins de necromancia, significa que podemos facilmente agrupar o poder de vários mortos-vivos menores em um de maior poder. Embora isso vem com vários problema. A potência bruta não é bem transferida. Ele simplesmente substitui os níveis de poder anteriores. Então, embora você possa criar um zumbi decente sacrificando uma horda de zumbis, ainda seria um zumbi, frágil e fraco. Pelo menos os níveis de feitiçaria se somam um pouco. Então, se você criar vários lich-thralls (veja o capítulo 15), você pode combiná-los em um com mais poder de feitiçaria do que os indivíduos têm. Agora a espiritualidade entra em jogo. O nível espiritual é na realidade um nível de ascensão (ver capítulo 7). O problema é que a ascensão normal está ligada à alma e não ao corpo. Já que criamos lich-thralls, não temos almas reais à nossa disposição, mas estamos lidando com falsas almas (veja o capítulo 13). Eles carecem de qualquer nível de espiritualidade. No entanto, há uma maneira pela qual a ascensão é residual em um corpo morto, quando essa pessoa foi imensamente reverenciada ou temida em vida. Esta ascensão não nativa não é inerente à alma, mas à pessoa do destinatário, neste caso os restos corporais. Assim, uma pessoa que foi reverenciada em vida tem algum resto de ascensão no corpo. Se fosse famoso e lembrado, a energia perduraria por mais tempo. Isso leva à possibilidade de criar lich-thralls baseados em heróis de lendas. Enquanto um único teria apenas os poderes esperados de tal criatura, agora você pode combiná-los em outro herói maior (uma transferência para um nível menor de ascensão simplesmente não funcionaria). Com a fusão da espiritualidade nesta criatura, um novo nível de ascensão seria criado. Lembre-se, não é uma verdadeira ascensão e, embora haja um imenso aumento no poder pessoal, na verdade está apenas enganando algumas leis da natureza. Uma ascensão verdadeira e definitiva não é possível por tais meios. Mas para o propósito de um escravo potencialmente imensamente poderoso, isso é o ideal, é claro. No entanto, você precisará de muitos desses heróis semi-ascensionados. Experimentos mostraram que a massa crítica para a fusão da ascensão é bastante alta. Muitas fontes, no entanto, criam um ciclo de incompatibilidade, que geralmente destrói todos os súditos envolvidos. Então você tem que mirar em um número decente de indivíduos devidamente imbuídos de poder. Mesmo com grandes heróis, você precisa de pelo menos quatro fontes e as coisas começam a dar errado em cerca de 12 fontes individuais. O ponto ideal parece estar usando 7 súditos. Isso diminui a possibilidade de fusão e introduz efeitos negativos devido a incompatibilidades.”

    Esse artigo basicamente é um tutorial sobre como alcançar a ascensão e conecta tanto o objetivo final de Ferumbras quanto a alusão a “Trocas Macabras”.

    Toda essa cena está lá apenas para apontar que existem alguns negócios/contrabando obscuros acontecendo em navios que podem estar indo para algum mistério em Venore ou diretamente para a Cidadela de Ferumbras. Se eu fizesse uma aposta nisso eu diria que o baú está ligado a Venore a um mistério que ficou inacabado no passado, mas a Cipsoft terminou na atualização do Ferumbras, assim desviando a atenção.

    Shady negocia uma espada e um item raro de luta à distância – “já que existem apenas algumas distâncias”.

    A atualização 8.2 resolve isso e nos dá armas de distância inatingíveis até hoje.

    Todo esse mistério foi trazido de volta à vida pela Cipsoft para lançar uma nova luz sobre a solução do Elethriel Elemental’s Bow ou Yol’s bow que não tem informações sobre eles?

    Eu estaria no arco de Elethriel Elemental, como foi exibido na sala do tesouro Pythius the Rotten, para chamar a atenção de que um arco pode ser obtido em algum lugar lá, em Beregar, mas agora depois de pesquisar um tópico sobre o mistério do baú pesado, acredito que o caminho correto é aqui, e a Cipsoft pôs aquele arco em Beregar para nos enganar e distrair. Aparentemente, a cor desse arco é a mesma do cobalto.

    O que está nesse baú então – pode ser algo ligado a armas, já que isso é Ironhouse, mas pode ser algo especial para o chefe – e sabemos que Abran Ironeye, por exemplo, tem um ursinho de pelúcia, que há rumores de muitos mistérios ? ____________________________

    Fontes :

     [1] https://www.tibia.com/library/?subtopic=maps&region=libertybay

    [2] https://tibia.fandom.com/wiki/The_Klabautermen_(Livro)

    [3] https://en.wikipedia.org/wiki/Chantal

    https://www.tibiaqa.com/24765/how-do-i-unlock-the-heavy-trunk-in-liberty-bay?show=24978#a24978

    https://en.wikipedia.org/wiki/Klabautermann

    https://en.wikipedia.org/wiki/Kobold

    https://en.wikipedia.org/wiki/Klabautermann#/media/File:Klabautermann_on_ship.jpg

     

Viewing 1 post (of 1 total)

You must be logged in to reply to this topic.

A password will be emailed to you.